O Espaço literário do 7ºA ... Medo

Eu sou o Pedro, tenho quinze anos, vivo em Lisboa e vou contar-vos o maior susto que já apanhei.
Naquele dia 24 de Abril eu e a minha irmã estávamos no sótão a arrumar as “tralhas”. De repente ouvimos um barulho atrás de uma grande arca. Quando ouvimos esse barulho ficámos realmente assustados. Com muito medo e muita cautela aproximamo-nos da arca e ouvimos com mais atenção. Aquele barulho era muito esquisito porque era invulgar e fazia lembrar um morcego. Como eu e a minha irmã temos muito medo de morcegos fugimos a sete pés mas continuamos curiosos. Fomos à procura de ajuda e chamamos a nossa mãe e contamos-lhe o que se passava. Ela foi connosco até ao sótão e quando chegámos ao pé da arca a mãe começou-se a rir. Afinal era apenas uma pequena andorinha que tinha entrado no sótão e estava mais assustada do que nós.
Afinal tanto medo que nós tivemos por causa de uma pequena andorinha que ainda teve mais medo do que nós. Este episódio ensinou-nos que devemos enfrentar os nossos medos sem entrar em pânico.

Este trabalho foi elaborado pela turma 7ºA [2009]

Comentários

Mensagens populares deste blogue

A importância de ciência no mundo atual