30 de janeiro de 2009

Pelo seu aniversário...

Vergílio António Ferreira
Nasceu em Melo, Gouveia, a 28 de Janeiro de 1916 e faleceu em Lisboa a 1 de Março de 1996



Autor de uma obra multifacetada, Vergílio Ferreira afirmou-se sobretudo como um dos grandes romancistas do séc. XX. Nascido em Melo, distrito da Guarda, em 1916, o local de nascimento ficou largamente representado nos espaços literários dos seus romances, como representados ficaram outros que ele percorreu, nomeadamente as cidades de Coimbra e de Évora e o Seminário do Fundão. Da aldeia, ficar-lhe-ia a imagem da montanha como local simultaneamente real e mítico.

25 de janeiro de 2009

Tens boa dicção?


Dicção
Maneira de dizer, de pronunciar, frases, palavras, sílabas...

A internet é fértil em exemplos que apelam a exercitar a nossa dicção.

Vale a pena experimentar este exercício!
É curioso e divertido!

22 de janeiro de 2009

Enciclopédia Pedagógica Universal

Esta enciclopédia composta por 10 volumes apresenta de forma fácil e agradável múltiplos aspectos do mundo da ciência.
Concebida como um hiperlivro, a partir de um assunto pode chegar-se a outros com ele relacionado, noutros volumes da enciclopédia, seguindo as ligações indicadas de forma muito simples.
Ao teu dispor na biblioteca. Consulta!

19 de janeiro de 2009

Popeye fez 80 anos!..


Quem não conhece Popeye com o seu inconfundível fato de marinheiro, cachimbo no canto da boca, tatuagem no braço…o seu gosto por espinafres fonte da sua energia.
Ou a sua inseparável Olívia Palito, porque de tão magra ou o seu rival de sempre Brutus.
Popeye apresentou-se pela primeira vez ao público há 80 anos. Nasceu pelo traço de Elzie Crisler Seagar no New York Journal.
Contestado por alguns que não viam com bons olhos o modo como resolvia tudo à força dos punhos e amado por muitos que viam nele um herói de coração doce capaz de se render a Swee'Pea, o bebé…

18 de janeiro de 2009

O Bispo... foi há 75 anos

Apesar de ter exposto uma única vez individualmente em vida (1936), no Porto, e do seu percurso artístico ter sido demasiado curto, morreu aos 36 anos (1942), Dominguez Alvarez é considerado um dos mais fascinantes artistas do modernismo português.
Há 75 anos pintou “ O Bispo” ou “ Figura Eclesiástica”.
Miguel Torga escreveu um poema com o mesmo nome.
Deixamos alguns versos:


“…
Foi o pintor Alvarez
Que me pintou tal e qual:
Inquisidor castelhano
A fazer um entremês
Mais humano
Em Portugal.”

12 de janeiro de 2009

...da galeria da Biblioteca de Arte da Gulbenkian

Fotografias a preto e branco dum Portugal do passado. São fotografias já com valor histórico e que testemunham muito do nosso percurso enquanto país. Merece a pena ver!

8 de janeiro de 2009

Direitos Humanos

Trabalho realizado pelos alunos do 12ºCSE-CSH (direito) sobre os direitos humanos e participação cívica. CDROM disponível na BECRE para consulta.

Concurso Nacional de Leitura - 1ª fase

Decorreu ontem, dia 7 de Janeiro, de forma bastante participada, a 1ªfase do Concurso Nacional de Leitura.Estão de parabéns todos os alunos participantes.


Os brilhantes vencedores que agora irão representar a Escola na 2ª fase são:
3º ciclo:
Andreia Ramalhete Creado, 9ºA
João Morais da Silva, 9ºB
Patrícia Corredoura Santos, 7ºA
Secundário:
Ana Carolina Afonso Fidalgo, 11º CT1
Liliana Batista Milheiro, 10º CAV/LH
Marília Neto Figueira, 12º CT3

6 de janeiro de 2009

...há 100 anos nasceu Soeiro Pereira Gomes

esteiros
Joaquim Soeiro Pereira Gomes nasceu em 1909 na aldeia de Gestaçô, concelho de Baião, no seio de uma família de pequenos agricultores.
Pioneiro do movimento neo-realista, Soeiro Pereira Gomes publica em 1941 uma das suas obras de referência: Esteiros.

O livro revela a condição social precária de um grupo de meninos, dos telhais à beira do Tejo, sujeitos a uma vida trabalho duro “… quando o conseguem arranjar, vadiando ou roubando para comer durante o resto do tempo…”
“…é a história contada da realidade de muitos que sobreviveram e pereceram aos esteiros do rio e à constante agressão de uma sociedade sem dó e com uma autoridade senhorial.”
Esteiros é uma obra dedicada aos “…filhos dos homens que nunca foram meninos…”

Ajuda - construção de resumos

Mapa de conceitos - Guião para construção [dez 2015]

Apoio à literacia [revisto em setembro 2015]